Exame toxicológico | Descubra o que seu cabelo tem a dizer sobre você.

O teste identifica o uso de substâncias psicoativas  por um período de até 90 dias, revelando hábitos e costumes do motorista, como o uso de drogas nesse período. A possibilidade de driblar o sistema tingindo os cabelos é ineficaz, já que a droga fica fixada dentro do fio de cabelo por anos.

Como são identificadas substâncias psicoativas através do cabelo?

O cabelo é desenvolvido no folículo piloso e está diretamente ligado à vasos e artérias capilares, desta forma, cada folículo tem seu próprio suprimento de sangue. As substâncias ingeridas pelo indivíduo são absorvidas internamente pelos fios, através da corrente sanguínea que nutre essas regiões.

O cabelo cresce em média 1 cm ao mês, o que equivale a janela de detecção do uso de drogas no período de 30 dias. Sendo assim, para que o exame contemple de 90 a 120 dias de sensibilidade, como a lei estabelece, necessita-se de, no mínimo, 4 cm de cabelo. Essa informação é relevante para a definição do local de coleta.

Caso o cabelo não tenha o comprimento necessário para abranger o tempo de detecção solicitado, a coleta deve ser direcionada para os pelos corporais. Estes, devido a sua fisiologia diferenciada, possuem um crescimento mais lento, e a quantidade necessária para a realização do exame seria o equivalente a uma bola de algodão com 2 cm de diâmetro.

Qualquer laboratório pode fazer o exame toxicológico?

Não. Apenas os laboratórios credenciados ao DENATRAN podem realizar a análise, sendo destes a responsabilidade total sobre a coleta do material.

É autorizada a coleta em postos exclusivamente contratados pelo laboratório credenciado, clique aqui e encontre posto de coleta credenciado ao DB Toxicológico mais próximo de você.

Como é feito o procedimento de coleta para realização do teste?

O momento da coleta exige cuidados que são essenciais para um resultado preciso. Clique no vídeo e confira o passo a passo.